Morashá

CARTA AO LEITOR:
ANO XIV N.56 ABRIL 2007

Pessach se aproxima; é uma época de renovação, quando devemos renovar nosso compromisso, enquanto judeus, de jamais esquecer nosso passado. Época de renovação de nosso espírito de liberdade, de nossa fé em D'us, Todo Poderoso, que, com Mão forte e Braço estendido, tirou-nos da escuridão para a luz, da escravidão para a liberdade. E nos ordenou que "mi-dor va-dor", ou seja, em todas as gerações, uma após a outra, é nosso dever sentir-nos como se nós mesmos tivéssemos sido libertados da escravidão no Egito.

É também a época de reafirmar nossa fé inquebrantável, esta fé que nos reergue quando enfrentamos dificuldades e nos indica o caminho a seguir, como o fez com nossos antepassados em sua longa caminhada pelo deserto.

Nossa Revista vem, nesta edição, rica de matérias sobre a história judaica, tradições, comunidades e personagens que se destacaram ao longo dos séculos, fazendo também um contraponto com a atualidade mundial dos judeus e do Estado de Israel e das novas formas de anti-semitismo.

Continuaremos em nosso empenho de transmitir às futuras gerações a riqueza de nossa fé, os ensinamentos e exemplos de nossos mestres, unidos como um só povo e unificados em torno de um mesmo ideal.

Que esta fé e esta força continuem guiando o nosso caminho!

Um Pessach Casher e Sameach para todos!

LEIA A CARTA NA ÍNTEGRA...

CARTA AO LEITOR:
ANO XIV N.56 ABRIL 2007

Pessach se aproxima; é uma época de renovação, quando devemos renovar nosso compromisso, enquanto judeus, de jamais esquecer nosso passado. Época de renovação de nosso espírito de liberdade, de nossa fé em D'us, Todo Poderoso, que, com Mão forte e Braço estendido, tirou-nos da escuridão para a luz, da escravidão para a liberdade. E nos ordenou que "mi-dor va-dor", ou seja, em todas as gerações, uma após a outra, é nosso dever sentir-nos como se nós mesmos tivéssemos sido libertados da escravidão no Egito.

É também a época de reafirmar nossa fé inquebrantável, esta fé que nos reergue quando enfrentamos dificuldades e nos indica o caminho a seguir, como o fez com nossos antepassados em sua longa caminhada pelo deserto.

Nossa Revista vem, nesta edição, rica de matérias sobre a história judaica, tradições, comunidades e personagens que se destacaram ao longo dos séculos, fazendo também um contraponto com a atualidade mundial dos judeus e do Estado de Israel e das novas formas de anti-semitismo.

Continuaremos em nosso empenho de transmitir às futuras gerações a riqueza de nossa fé, os ensinamentos e exemplos de nossos mestres, unidos como um só povo e unificados em torno de um mesmo ideal.

Que esta fé e esta força continuem guiando o nosso caminho!

Um Pessach Casher e Sameach para todos!


ANTISSEMITISMO

O anti-semitismo na França

O anti-semitismo na França

Léon Blum, Ilan Halimi, Le Pen e as várias facetas do anti-semitismo na França de hoje.

Edição 56 - Abril de 2007

ISRAEL HOJE

Adeus a Teddy Kollek

Adeus a Teddy Kollek

Dono de uma personalidade vulcânica, uma determinação e competência inigualáveis, sua obsessão era a cidade de Jerusalém. Como disse Uri Lupolianski, atual prefeito da cidade: ‘Teddy era Jerusalém e Jerusalém era Teddy’.

Edição 56 - Abril de 2007

HOLOCAUSTO

Repúdio Universal

Repúdio Universal

A ONU tem 192 países. Destes, 191 aprovaram, em 26 de janeiro de 2007, a resolução que declara: ‘Condene-se sem reservas qualquer negação do Holocausto’ e ‘insistam que todos os Estados Membros rechassem, sem reservas, qualquer negação, seja em sua totalidade, ou em parte, do Holocausto como fato histórico ou quaisquer que sejam as atividades encaminhadas com esta finalidade’. ‘Peçam aos Estados que ensinem nas escolas sobre o massacre nazista.’

Edição 56 - Abril de 2007

COMUNIDADES DA DIÁSPORA

Shaarê Tikvá, símbolo do judaísmo português

Shaarê Tikvá, símbolo do judaísmo português

A Sinagoga Shaarê Tikvá foi inaugurada em Lisboa, no dia 18 de maio de 1904. Era a primeira a ser construída após o longo período desde as conversões forçadas, de 1497, e dos 300 anos da Inquisição.

Edição 56 - Abril de 2007

COMUNIDADES DA DIÁSPORA

O tempo dos judeus em Portugal

O tempo dos judeus em Portugal

O ano de 1497 viu o término de uma época marcada pela convivência e tolerância, à qual os portugueses chamaram de tempo dos judeus.

Edição 56 - Abril de 2007

HISTÓRIA JUDAICA MODERNA

O Sanhedrin de Napoleão

O Sanhedrin de Napoleão

Há exatamente 200 anos, em março de 1807, Napoleão reunia em Paris rabinos e eruditos vindos de toda a França. Tinha por objetivo criar as bases de um novo relacionamento entre seu país e os judeus. Escolheu para o conclave o nome de Sanhedrin.

Edição 56 - Abril de 2007

BIOGRAFIAS

Doña Gracia Nasi

Doña Gracia Nasi

A Europa renascentista do séc. 16, os horrores da Inquisição e o poderio do Império Otomano são o pano de fundo Para a vida de Doña Gracia Nasi. nascida em portugal, O destino a coloca, ainda jovem, à frente do império dos Mendes, família das mais ricas e poderosas da Europa renascentista.

Edição 56 - Abril de 2007

ARTE E CULTURA

Resgate do ídiche na Lituânia

Resgate do ídiche na Lituânia

Um dos pólos mais destacados e tradicionais da história do judaísmo na Europa oriental, a Lituânia testemunha atualmente esforços para resgatar e promover o uso do ídiche, em iniciativa já conhecida como uma das primaveras da cultura judaica.

Edição 56 - Abril de 2007

JUDAISMO NO MUNDO

Um novo começo

Um novo começo

Em novembro do ano passado, 68 anos após a famigerada Noite dos Cristais, quando centenas de sinagogas em toda a Alemanha foram queimadas, inaugurou-se a ‘ohel jakob’, em munique. sob uma chuva fina, 250 membros da comunidade judaica da cidade, acompanhados de renomados rabinos e personalidades, deixaram o local onde até 1938 havia uma sinagoga. carregando sefarim cobertos de veludo azul, sob grandes pálios.

Edição 56 - Abril de 2007

JUDAISMO NO MUNDO

Comunidade judaica no Irã não pensa em deixar o país

Comunidade judaica no Irã não pensa em deixar o país

Enquanto o atual presidente do Irã não se cansa de repetir que o Holocausto e a morte de seis milhões de judeus, durante a 2ª Guerra Mundial, não passam de mito e destila seu ódio contra Israel, os 25 mil judeus que ainda vivem no país podem praticar a sua fé. Isto é, com a condição de que não se envolvam na política e não se manifestem a favor de Israel.

Edição 56 - Abril de 2007

JUDAISMO NO MUNDO

A Revolução da Cashrut

A Revolução da Cashrut

Até há poucos anos, apreciar um jantar refinado não era uma opção, em Israel, para quem seguia as leis da Cashrut. Atualmente, porém, a realidade é bem diferente. De norte a sul do país, a culinária israelense casher oferece ótimas opções e um padrão de qualidade competitivo com casas estreladas do exterior.

Edição 56 - Abril de 2007

JUDAISMO NO MUNDO

Mulheres religiosas a serviço da alta tecnologia

Mulheres religiosas a serviço da alta tecnologia

Tradicionalmente vinculadas a profissões como o professorado, as habitantes da cidade de Modiin Illit vêm demostrando seu potencial profissional e conquistando espaço no mercado de alta tecnologia de Israel.

Edição 56 - Abril de 2007

PROFETAS E SÁBIOS

Jacob, o amado por D-us

Jacob, o amado por D-us

Jacob, filho de Isaac e neto de Abraão, é o terceiro e último patriarca do Povo Judeu. É dele que descendem todos os Filhos de Israel, pois, diferentemente de seu avô e pai, todos os seus doze filhos têm parte ativa na história judaica. foram os fundadores das Doze Tribos de Israel.

Edição 56 - Abril de 2007

SHAVUOT

A Torá e seu estudo

A Torá e seu estudo

Shavuot, dia em que recebemos os Dez Mandamentos, é celebrado por ser o dia em que D-us entregou Sua Torá ao Povo Judeu. Este dia continua a ser o mais importante na história de nosso povo, quiçá o mais importante na história da Humanidade.

Edição 56 - Abril de 2007

PÊSSACH

Costumes e Tradições de Pessach

Costumes e Tradições de Pessach

Os preparativos de Pessach começam bem antes da noite do Seder. Enquanto suas leis são mandamentos bíblicos e, portanto, permanecem inalterados desde a saída dos judeus do Egito, as várias comunidades judaicas espalhadas pelo mundo desenvolveram, no decorrer dos séculos, diferentes hábitos e costumes para preparar a celebração. Hoje, mesmo vivendo em outros países, muitas dessas tradições continuam a ser seguidas.

Edição 56 - Abril de 2007

PÊSSACH

As Dez Pragas do Egito

As Dez Pragas do Egito

Dez calamidades castigaram o Egito antes da saída dos filhos de Israel desta terra. Através delas, D-us demonstrou a toda humanidade o seu infinito poder.

Edição 56 - Abril de 2007

PÊSSACH

Seder de Pessach

Seder de Pessach

Este ano, o 1º Seder de Pessach, em 15 de Nissan, será na segunda-feira à noite, 2 de abril. Os preparativos para Pessach têm início na noite anterior, após o pôr-do-sol de domingo, 1 de abril.

Edição 56 - Abril de 2007