Morashá

CARTA AO LEITOR:
ANO XI N.40 MARÇO 2003

Nesta edição de Pessach, Morashá celebra seu 10º ano de existência. Ao longo desse tempo, tivemos em mente um único objetivo: disseminar o judaísmo, suas Leis e tradições.

Morashá faz 10 anos! Na tradição judaica, cada número tem um valor intrínseco e expressa uma realidade espiritual. O número 10 tem uma conotação muito profunda, pois indica a completude, a perfeição. Dizem os sábios que quando o Todo-Poderoso é louvado, usa-se o número dez. Ao criar o mundo, D'us usou dez pronunciamentos, da mesma forma como foram dez os milagres que realizou no Egito e são dez os Mandamentos dados por Ele no Monte Sinai ao nos investir da responsabilidade de ser um povo norteado por valores morais e éticos e de transmitir estes valores a toda a humanidade. Igualmente são dez as pessoas necessárias para formar o minian quando os trechos mais importantes de nossas preces são pronunciados. E também na Shirá, o grande hino de Moisés em louvor ao Eterno, são citadas dez vezes as quatro letras que formam o Nome Sagrado.

Morashá chega, portanto, a uma idade de grande responsabilidade. Não pretendemos a 'completude', muito menos a perfeição. Mas nos comprometemos a continuar buscando o aperfeiçoamento, para melhor difundir a riqueza da tradição e da história judaica. Agradecemos a todos os que nos ajudam neste caminho: a nossos leitores e em especial a nossos patrocinadores, sem os quais nada disto seria possível; e muito carinhosamente à nossa equipe de colaboradores, cujo estímulo nos impele com ímpeto sempre renovado.

Que tenhamos todos um Pessach casher e feliz!

LEIA A CARTA NA ÍNTEGRA...

CARTA AO LEITOR:
ANO XI N.40 MARÇO 2003

Nesta edição de Pessach, Morashá celebra seu 10º ano de existência. Ao longo desse tempo, tivemos em mente um único objetivo: disseminar o judaísmo, suas Leis e tradições.

Morashá faz 10 anos! Na tradição judaica, cada número tem um valor intrínseco e expressa uma realidade espiritual. O número 10 tem uma conotação muito profunda, pois indica a completude, a perfeição. Dizem os sábios que quando o Todo-Poderoso é louvado, usa-se o número dez. Ao criar o mundo, D'us usou dez pronunciamentos, da mesma forma como foram dez os milagres que realizou no Egito e são dez os Mandamentos dados por Ele no Monte Sinai ao nos investir da responsabilidade de ser um povo norteado por valores morais e éticos e de transmitir estes valores a toda a humanidade. Igualmente são dez as pessoas necessárias para formar o minian quando os trechos mais importantes de nossas preces são pronunciados. E também na Shirá, o grande hino de Moisés em louvor ao Eterno, são citadas dez vezes as quatro letras que formam o Nome Sagrado.

Morashá chega, portanto, a uma idade de grande responsabilidade. Não pretendemos a 'completude', muito menos a perfeição. Mas nos comprometemos a continuar buscando o aperfeiçoamento, para melhor difundir a riqueza da tradição e da história judaica. Agradecemos a todos os que nos ajudam neste caminho: a nossos leitores e em especial a nossos patrocinadores, sem os quais nada disto seria possível; e muito carinhosamente à nossa equipe de colaboradores, cujo estímulo nos impele com ímpeto sempre renovado.

Que tenhamos todos um Pessach casher e feliz!


ANTISSEMITISMO

CEM ANOS DE KISHINEV

CEM ANOS DE KISHINEV

A cidade de Kishinev, no sul da Rússia, entrou para a história judaica há cem anos quando um sangrento pogrom, incentivado e provavelmente organizado pelas autoridades russas, foi lançado sobre a população judaica da cidade.

Edição 40 - Março de 2003

HOLOCAUSTO

ASSIM SE INICIOU O LEVANTE DO GUETO DE VARSÓVIA...

ASSIM SE INICIOU O LEVANTE DO GUETO DE VARSÓVIA...

Este ano, na terceira noite de Pessach, terão transcorrido 60 anos do início do movimento de revolta do Gueto de Varsóvia. Curiosamente, as datas do calendário judaico praticamente coincidem com as do calendário gregoriano.

Edição 40 - Março de 2003

COMUNIDADES DA DIÁSPORA

ASPECTOS DA VIDA JUDAICA...SOB O DOMÍNIO HOLANDÊS NO NORDESTE

ASPECTOS DA VIDA JUDAICA...SOB O DOMÍNIO HOLANDÊS NO NORDESTE

Sobre a participação dos judeus durante o domínio holandês no Brasil, foram escritos, divulgados e até ensinados conceitos enganosos, baseados em mitos e preconceitos, relatos e abordagens parciais.

Edição 40 - Março de 2003

COMUNIDADES DA DIÁSPORA

MUSEU NA POLÔNIA

MUSEU NA POLÔNIA

Foi demarcada em Varsóvia, na Polônia, uma área de 13 mil m2, no local em que antes da II Guerra Mundial ficava o bairro judaico, em frente ao Monumento dos Heróis do Gueto, da renomada escultora N. Rappaport.

Edição 40 - Março de 2003

COMUNIDADES DA DIÁSPORA

OS JUDEUS DO IRAQUE

OS JUDEUS DO IRAQUE

A história dos judeus do Iraque tem mais de 2.700 anos, constituindo uma de nossas mais antigas comunidades no mundo. Atualmente conhecida como Iraque, a região situada entre os rios Tigre e Eufrates, no Crescente Fértil, era, como indica essa denomi

Edição 40 - Março de 2003

COMUNIDADES DA DIÁSPORA

JUDEUS DA ETIÓPIA

JUDEUS DA ETIÓPIA

Em um livro lançado recentemente, o ex-embaixador israelense Asher Naim narra a epopéia que levou os chamados falashas até Israel, em 1991.

Edição 40 - Março de 2003

VARIEDADES

DANIEL LIBESKIND PROJETO NOVO WORLD TRADE CENTER

DANIEL LIBESKIND PROJETO NOVO WORLD TRADE CENTER

Pedras, cimento, vidro e aço serão o material utilizado pelo arquiteto judeu Daniel Libeskind para curar as feridas abertas pelo 11 de setembro, em Nova York.

Edição 40 - Março de 2003

VARIEDADES

MORASHÁ.COM

MORASHÁ.COM

Numa carta ao ministro francês de Educação Nacional, Luc Ferry, o diretor de Responsabilidade Internacional do Wiesenthal Center, Dr. Shimon Samuels, protestou contra a moção da Universidade Pierre e Marie Curie (Paris VI) por ter solicitado à União Européia (UE) o cancelamento do seu acordo de cooperação acadêmica com Israel para o ano de 2003.

Edição 40 - Março de 2003

VARIEDADES

ESPAÇO K UMA NOVA OPÇÃO PARA OS JOVENS

ESPAÇO K UMA NOVA OPÇÃO PARA OS JOVENS

O surgimento do 'Espaço K' - Centro de Juventude Judaica Bracha Caroline - agitou a comunidade paulista no início de março. Visando reunir jovens da faixa etária de 18 a 30 anos, caracteriza-se por ser um lugar no qual os próprios participantes decidem os 'destinos' do Espaço K.

Edição 40 - Março de 2003

VARIEDADES

CARTAS

CARTAS

Cartas

Edição 40 - Março de 2003

MULHERES BÍBLICAS

REBECA, A SEGUNDA MATRIARCA

REBECA, A SEGUNDA MATRIARCA

Corajosa, decidida e generosa. Estas são algumas características da personalidade de Rebeca, esposa de Itzhak e segunda matriarca do povo judeu.

Edição 40 - Março de 2003

BIOGRAFIAS

UM ANO APÓS A MORTE, MUNDO HOMENAGEIA DANIEL PEARL

UM ANO APÓS A MORTE, MUNDO HOMENAGEIA DANIEL PEARL

“Sou americano, sou judeu, minha família do lado de meu pai é sionista”. As palavras, pronunciadas sob a pressão vil do terrorismo, transformaram-se em um símbolo de um dos episódios mais nefastos da história do jornalismo: a morte de Daniel Pearl, o correspondente do Wall Street Journal seqüestrado e brutalmente assassinado por militantes islâmicos no Paquistão, em fevereiro de 2002.

Edição 40 - Março de 2003

BIOGRAFIAS

ABBA EBAN, SÍMBOLO DE UMA GERAÇÃO

ABBA EBAN, SÍMBOLO DE UMA GERAÇÃO

Morreu aos 87 anos, no dia 17 de novembro de 2002, Abba Eban, o último sobrevivente dos líderes da velha guarda israelense. Orador eloqüente, diplomata brilhante e negociador eficaz, ajudou a moldar o destino de sua Pátria nas difíceis três primeiras décadas que seguiram a independência, ganhando a simpatia e admiração do mundo por Israel.

Edição 40 - Março de 2003

BIOGRAFIAS

ARIK SHARON, PERFIL DE UM JUDEU

ARIK SHARON, PERFIL DE UM JUDEU

Conheci Ariel Sharon, ou simplesmente Arik, como prefere ser chamado, em 1971, no Rio de Janeiro, quando ele visitou a cidade pela primeira vez.

Edição 40 - Março de 2003

ARTE E CULTURA

O LEGADO DE HIRSCHFELD

O LEGADO DE HIRSCHFELD

Um símbolo, uma lenda, um tesouro nacional. Estas são algumas das inúmeras maneiras pelas quais os fãs e admiradores do norte-americano Al Hirschfeld se referem ao artista que se tornou célebre nos Estados Unidos pelas caricaturas que fazia dos artistas da Broadway.

Edição 40 - Março de 2003

ARTE E CULTURA

A HAGADÁ DE SARAJEVO

A HAGADÁ DE SARAJEVO

Depois de séculos, a odisséia da chamada “Hagadá de Sarajevo” chegou ao fim. O mais conhecido dos manuscritos judaicos, obra-prima das mais belas do judaísmo medieval, está sendo finalmente exibido ao público no Museu Nacional de Sarajevo, na Bósnia.

Edição 40 - Março de 2003

PROFETAS E SÁBIOS

O MAGUID DE MEZERITCH

O MAGUID DE MEZERITCH

O Rabi Dov Ber de Mezeritch nasceu há cerca de 300 anos. Quando partiu de sua morada terrena, quase 70 anos mais tarde, deixou atrás de si um mundo completamente mudado.

Edição 40 - Março de 2003

SHAVUOT

MONTE SINAI: O ENCONTRO ENTRE D'US E ISRAEL

MONTE SINAI: O ENCONTRO ENTRE D'US E ISRAEL

No terceiro mês de saírem os Filhos de Israel da terra do Egito, neste dia chegaram ao deserto do Sinai e acamparam no deserto, e acampou ali Israel em frente ao monte (Êxodo 19:1).

Edição 40 - Março de 2003

OMER

CONTAGEM DO OMER

CONTAGEM DO OMER

Baruch Atá Ado-nai Elohênu Mélech HaolamAsher kideshánu bemitzvotav vetzivánu al Sefirat Haômer.

Edição 40 - Março de 2003

OMER

CONTAGEM DO OMER

CONTAGEM DO OMER

Baruch Atá Ado-nai Elohênu Mélech HaolamAsher kideshánu bemitzvotav vetzivánu al Sefirat Haômer:

Edição 40 - Março de 2003

PÊSSACH

PESSACH, DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS NOS COSTUMES

PESSACH, DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS NOS COSTUMES

No decorrer dos séculos, as várias comunidades desenvolveram hábitos e costumes diversos para as comemorações judaicas. Dentre estas, Pessach é a festa que apresenta uma maior variedade de costumes, diferenciando especialmente os judeus sefaraditas e

Edição 40 - Março de 2003

PÊSSACH

PESSACH SAMEACH

PESSACH SAMEACH

Neste ano, o dia 14 de Nissan, véspera de Pessach, cai no dia 16 de abril, quarta-feira. O primeiro Seder será realizado após o pôr-do-sol.

Edição 40 - Março de 2003