Morashá

CRÔNICAS E CONTOS


A verdade sempre liberta

A verdade sempre liberta

Solomon Schwarz tinha uma união muito feliz, ele e sua esposa Minnie eram parceiros de verdade, apenas algo faltava para completar sua felicidade, um filho.  Entretanto de repente suas vidas saíram de seu controle e tomaram um rumo inesperado.

Edição 83 - Abril de 2014

Nada é por acaso

Nada é por acaso

Às vezes, o Todo Poderoso coloca diante de nós aquilo que tanto almejamos na vida, mas não temos a capacidade de perceber. Assim, percorremos caminhos tortuosos em busca do que nosso coração anseia, enfrentando obstáculos que poderiam ser evitados. Mas, os desígnios Divinos estão acima da nossa teimosia e se realizam, levando-nos de encontro à felicidade.

Edição 79 - Março de 2013

Acredite, milagres existem

Acredite, milagres existem

Era uma noite gelada de inverno em um orfanato na Polônia, logo após a segunda Guerra Mundial. Crianças de todas as idades estavam em volta de uma chanuquiá e cantavam em iídishe. todas menos uma, rosa, que tinha 5 anos e falava apenas polonês. não sabia onde nascera nem de que família vinha.

Edição 55 - Dezembro de 2006

E Michal amava David...

E Michal amava David...

Michal, filha de Saul, foi a primeira e mais querida dentre as esposas do rei David. Foi ela que lhe salva a vida ajudando-o a fugir do pai, Saul e, conta o Midrash, que para celebrar este feito dela, David escreveu o Salmo 59.

Edição 54 - Setembro de 2006

Reencontro

Reencontro

Miami, Los Angeles e Nova York são as três cidades dos Estados Unidos para onde aflui o maior número de judeus, tanto como turistas quanto como imigrantes. Pittsburgh, na Pensilvânia, por outro lado, nunca deu provas de ser um destino importante para os israelenses e o hebraico certamente não é a língua franca de judeus lá enraizados. Por isso, Eric Blaustein afiou seus ouvidos, em setembro de 2000, véspera de Rosh Hashaná, quando ouviu o hebraico, perto de sua sinagoga, em Monte Líbano, um subúrbio de Pittsburgh.

Edição 46 - Setembro de 2004

O SEDER SECRETO DE UNTERLUSS

O SEDER SECRETO DE UNTERLUSS

Dina Kraus Ehrenreich sobreviveu ao nazismo. Com sua coragem, conseguiu manter vivo o judaísmo em condições inimagináveis.

Edição 44 - Março de 2004