Morashá
ESPAÇO K UMA NOVA OPÇÃO PARA OS JOVENS Foto Ilustrativa

ESPAÇO K UMA NOVA OPÇÃO PARA OS JOVENS

O surgimento do 'Espaço K' - Centro de Juventude Judaica Bracha Caroline - agitou a comunidade paulista no início de março. Visando reunir jovens da faixa etária de 18 a 30 anos, caracteriza-se por ser um lugar no qual os próprios participantes decidem os 'destinos' do Espaço K.

Edição 40 - Março de 2003


Dentro desta filosofia, foram criadas onze diretorias que coordenam os diversos empreendimentos e ações do centro. Sua área de atuação inclui a organização e manutenção de biblioteca, um cyber café, atividades, além dos shabatot, que reunirão mensalmente os participantes em jantares.

Baseando na máxima de que todo jovem é antes de tudo um idealista, um dos setores que vem atraindo muito os jovens é o beneficente, cuja diretoria se encarregará de organizar e se engajar em ações voluntárias.

Uma diretoria considerada importante para o sucesso do Espaço K é a diretoria de var. Foi montado um charmoso barzinho com características que não devem nada para os melhores bares de S. Paulo. Até um famoso barman premiadíssimo foi contratado. Já o departamento de Divulgação e Marketing está trabalhando em ritmo acelerado para divulgar todas as atividades que estão sendo planejadas.

Cada uma das diretorias conta com aproximadamente 8 a 10 integrantes, ou seja, cerca de cem jovens já estão envolvidos com o Espaço K, que possui uma infra-estrutura atraente e adequada para as atividades - salas de reunião, de Internet, salas para cursos e salão para palestras, sala de bilhar, além de um jardim com deck de estar e mesinhas espalhadas por todo seu perímetro.

Quem já foi conhecer o Espaço K afirma sem receio de errar que este é um ambiente perfeito para integração dos jovens.