Morashá

Rosh Hashaná

Rosh Hashaná, literalmente, a “cabeça do ano”, é o início de um novo ano. É a oportunidade de cada pessoa de começar sua vida de novo. Certamente, a cada dia – ou mesmo, a qualquer momento em nossa vida – podemos optar por tomar diferentes caminhos na vida – melhorar o que é preciso – mas Rosh Hashaná é o momento mais auspicioso do ano para fazê-lo. Trata-se de um novo começo. Um novo ano representa novas possibilidades.


Guia Espiritual para os Dez Dias de Teshuvá

Guia Espiritual para os Dez Dias de Teshuvá

O mês judaico de Tishrei é o mais importante do ano. É repleto de dias sagrados judaicos. Os primeiros dois dias do mês são Rosh Hashaná; o 10o, Yom Kipur. No dia 15, começamos a celebrar a festa de Sucot, de sete dias, seguida por Shemini Atzeret e Simchat Torá.

Edição 105 - Setembro de 2019


Por que tocamos o Shofar em Rosh Hashaná

Por que tocamos o Shofar em Rosh Hashaná

O principal mandamento da festa de Rosh Hashaná, Ano Novo Judaico, é ouvir os toques do Shofar. Trata-se de um mandamento bíblico. Todas as demais leis e costumes de Rosh Hashaná, como as refeições festivas, as maçãs imersas no mel e, mesmo as orações, têm importância secundária. Em Rosh Hashaná, a prioridade para todos os judeus deve ser ouvir os toques do Shofar.

Edição 101 - Setembro de 2018


O significado dos alimentos simbólicos de Rosh Hashaná

O significado dos alimentos simbólicos de Rosh Hashaná

Não é um mero costume, folclore OU superstição servir alimentos de importância simbólica em Rosh Hashaná. Pelo contrário, constitui uma prática imbuída de valor místico, incentivada pelo Talmud e codificada no Shulchan Aruch  – o Código de Lei Judaica.

Edição 97 - Setembro de 2017


Tefilá, Tzedacá e Teshuvá

Tefilá, Tzedacá e Teshuvá

Rabi Lazar dizia: “Três coisas anulam um decreto severo: Tefilá (Oração), Tzedacá (Caridade) e Teshuvá (Arrependimento)” (Talmud Yerushalmi, Taanit 9b).

Edição 93 - Setembro de 2016


Rosh Hashaná e os Três Pilares do Universo

Rosh Hashaná e os Três Pilares do Universo

O Pirkei Avot, livro sagrado de sabedoria e ética judaicas, ensina que o mundo se mantém sobre três pilares: Torá, Avodá – o serviço Divino – e Guemilut Chassadim – atos de bondade (Pirkei Avot 1:2).

Edição 89 - Setembro de 2015


Rosh Hashaná: Dia de Novos Começos

Rosh Hashaná: Dia de Novos Começos

A Haftará lida no primeiro dia de Rosh Hashaná conta a história de Hanna. Trata-se da história de uma mulher estéril, que se tornou um dos modelos históricos do fervor da oração. Em resposta à sua súplica, do fundo do coração, D’us a fez mãe de Shmuel, o maior dos Juízes, um profeta comparado a Moshé e Aaron.

Edição 85 - Setembro de 2014