Morashá

LEIS, COSTUMES E TRADIÇÕES


POR QUE O KOTEL É SAGRADO?

POR QUE O KOTEL É SAGRADO?

Por que será que o Muro das Lamentações atrai gente de todas as origens e religiões? São seis as razões para tal. Vejamos, a seguir.

Edição 41 - Junho de 2003

A SINAGOGA

A SINAGOGA

“E me farão um Santuário, para que Eu possa habitar no meio deles”. (Êxodo 25:8).

Edição 37 - Junho de 2002

MARCADORES TEMPORAIS

MARCADORES TEMPORAIS

Apesar do relato histórico da vida do povo judeu apresentar um sentido tão cósmico, sua continuidade cultural-religiosa de três a quatro mil anos talvez seja a mais extensa que qualquer grupo étnico-religioso tenha alcançado.

Edição 35 - Dezembro de 2001

A RELAÇÃO DO JUDAÍSMO COM A NATUREZA

A RELAÇÃO DO JUDAÍSMO COM A NATUREZA

Mas não é apenas através do calendário e das festividades e suas simbologias que o judaísmo expressa sua relação com a natureza. Na verdade, a atitude para com a natureza expressa, hoje mais que nunca, um critério pelo qual a sociedade deve ser julgada.

Edição 35 - Dezembro de 2001

A ESTRELA DE DAVID

A ESTRELA DE DAVID

Seu reconhecimento como símbolo exclusivamente judaico é um fato relativamente recente já que, na Antigüidade e mesmo durante a Idade Média, várias civilizações além da nossa usavam o hexagrama como símbolo místico ou puramente decorativo.

Edição 35 - Dezembro de 2001

ALMAS GÊMEAS: UMA VIDA A DOIS

ALMAS GÊMEAS: UMA VIDA A DOIS

Alguém já teve a oportunidade de ouvir uma conversa entre jovens a respeito de casamento e da formação de um lar? Não? Claro que não, pois atualmente poucos se atrevem a falar sobre tais assuntos.

Edição 34 - Setembro de 2001