Morashá

Curiosidades


Dia 2 de Shevat, é o aniversário de falecimento de Rabi Meshulam Zusha de Anipoli, aluno do líder do movimento chassídico, Rabi Dov Ber de Mezeritch. Rabi Zusha foi um Tzadik, um Sábio e um milagreiro, e é o protagonista de muitas histórias e ensinamentos chassídicos. Uma das personalidades mais queridas na história judaica, Rabi Zusha é lembrado por sua erudição e humildade e, principalmente, por seu amor pelo povo judeu.


Moisés tinha 120 anos quando deixou este mundo. Este tempo de vida é considerado o ideal. Na tradição judaica uma forma de abençoar uma pessoa é dizendo: "Que você possa viver até os 120 anos".


Em 1664, a Grã-Bretanha tomou posse de New Amsterdam (Nova Amsterdã), mudando o nome desta para New York (Nova Iorque). Sob domínio inglês, os judeus de Nova Iorque receberam mais direitos civis. Em 1706, já haviam criado uma comunidade judaica, chamada de Shearit Israel.


Leon Trotski foi um judeu que abriu mão de seu judaísmo em favor da causa comunista. Afirmava que a solução para os problemas dos judeus era a assimilação. Com o passar do tempo, o regime comunista adotou essa política, proibindo aos judeus a prática de sua religião.


A girafa é um animal que apresenta características que, de acordo com a Torá, fazem dela um animal casher: ela tem casco fendido e rumina. Mas não é uma tradição judaica comer esse belo animal, pois as girafas são raramente encontradas fora da África e ninguém sabe como fazer o abate casher delas.


Foi Bátia, filha do Faraó do Egito, que salvou e adotou Moisés quando ele era ainda um bebê. Qual foi sua recompensa por ter salvado a vida do maior profeta de todos os tempos? Quando os judeus foram libertados do Egito, ela saiu com eles, tendo se convertido ao judaísmo. Os místicos judeus ensinam que ela foi uma das poucas pessoas que subiu aos Céus sem ter falecido fisicamente.


Durante a Era Medieval, relativamente poucos judeus viviam na Rússia. Mas quando a Rússia expandiu para o sul e para oeste, durante os séculos 16-18, o país conquistou regiões onde viviam muitos judeus. Mais de um milhão de judeus passaram a viver sob o reinado da Rússia.


Rabi Akiva, o maior sábio do Talmud, só começou a estudar a Torá aos 40 anos de idade. Ele cresceu como um pastor ignorante e analfabeto. Rabi Akiva começou a estudar Torá para poder se casar com Raquel, filha de Kalba Savua. Posteriormente, Rabi Akiva se tornou o maior rabino da história judaica.